Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Priscovero

Prisco e Vero foram dois gladiadores da Roma Antiga que lutaram entre si nos Jogos Inaugurais do Coliseu, que tiveram lugar no ano 80 d.C. Da união dos seus nomes nasceu este blogue.

Priscovero

Damião de Góis

transferir (3).jpg

 

De origem fidalga, Damião de Góis nasceu na Quinta do Barreiro, em 1502. Ficou órfão de pai em 1513, tendo sido na época acolhido na corte, onde permaneceu até aos 20 anos.

 

Em 1523, na qualidade de escrivão da feitoria de Antuérpia, foi enviado por D. João III para a Flandres, de onde passou a efetuar missões diplomáticas e comerciais a diversos países. Contatou com príncipes, reis e grandes vultos do humanismo da época, como Erasmo, Reginald Pole, Buonamici, Bucer e Gaspar Hélio.

 

Escreveu, entre outras obras, a Crónica do Felicíssimo Rei Dom Manuel (1566-1567) e a Crónica do Príncipe Dom João o Segundo do Nome (1567).

 

Em 1571, foi preso e condenado pelo Santo Ofício. Faleceu em 1574 e os seus restos mortais encontram-se depositados na Capela da Igreja de São Pedro.